Blumenau, 13 março de 2015 — Comente!

Olá meninas! Passei rapidinho na Colcci de Blumenau, aqui do Shopping Neumarkt e aproveitei para fazer um provador com peças para o final de semana! Tem esse vestido preto com vermelho maravilhoso para um jantar na sexta a noite, combo de shorts jeans com blusão basiquinho para um look relax de sábado a tarde, vestido bapho aberto nas costas para a produção de festa de sábado a noite e mix de calça estampada com blusa preta para o domingão. Que tal? Estão prontinho os looks do finde!

dhafyni mendes colcci

DSC00496-1

dhafyni mendes calça estampada

DSC00515

dhafyni mendes vestido nude costas

Beijos, D.

Blumenau, 18 fevereiro de 2015 — Comente!

No clima de quarta-feira de cinzas, nada mais no tom do que nossa música da semana vir dos 50 TONS DE CINZA! Para quem ainda não viu o filme, não vou contar nenhum spoiller. Mas confesso que o tão esperado Christian Grey tem uma personificação um pouco diferente do que imaginei no livro, e apesar do destaque para as cenas picantes, o enredo em um todo é fofo e até engraçado em algumas partes. A trilha sonora do filme é uma delícia, com músicas que vão de Beyoncé até Frank Sinatra e melodias que acompanham muito bem desde momentos tensos até os “românticos”. A faixa Earned it by The Weeknd não sai da minha playlist e desde que sai do cinema, tô o tempo todo cantarolando ela! Demais! Vale dizer que o clipe tem a mesma pegada fetichista do filme, com dançarinas com teor máximo de sensualidade! Então antes de dar play, tire as crianças da sala..rs! Para ouvir mil vezes seguidas… Enjoy!

Beijos, D.

Blumenau, 18 fevereiro de 2015 — Comente!

Olá meninas! Aproveitando o pós-carnaval  para refletir sobre a evolução feminina e adaptação no posicionamento das relações! Li um texto da Ruth Manus que achei super interessante para dividir com vocês. Quem aí se identifica? A incrível geração de mulheres que foi criada para ser tudo que um homem não quer! Inspiração do dia!

“Às vezes me flagro imaginando um homem hipotético que descreva assim a mulher dos seus sonhos:“Ela tem que trabalhar e estudar muito, ter uma caixa de e-mails sempre lotada. Os pés devem ter calos e bolhas porque ela anda muito com sapatos de salto, pra lá e pra cá. Ela deve ser independente e fazer o que ela bem entende com o próprio salário: comprar uma bolsa cara, doar para um projeto social, fazer uma viagem sozinha pelo leste europeu. Precisa dirigir bem e entender de imposto de renda.Cozinhar? Não precisa! Tem um certo charme em errar até no arroz. Não precisa ser sarada, porque não dá tempo de fazer tudo o que ela faz e malhar.Mas acima de tudo: ela tem que ser segura de si e não querer depender de mim, nem de ninguém.”

Pois é. Ainda não ouvi esse discurso de nenhum homem. Nem mesmo parte dele. Vai ver que é por isso que estou solteira aqui, na luta.O fato é que eu venho pensando nisso. Na incrível dissonância entre a criação que nós, meninas e jovens mulheres, recebemos e a expectativa da maioria dos meninos, jovens homens,  homens e velhos homens.O que nossos pais esperam de nós? O que nós esperamos de nós? E o que eles esperam de nós? Somos a geração que foi criada para ganhar o mundo. Incentivadas a estudar, trabalhar, viajar e, acima de tudo, construir a nossa independência. Os poucos bolos que fiz na vida nunca fizeram os olhos da minha mãe brilhar como as provas com notas 10. Os dias em que me arrumei de forma impecável para sair nunca estamparam no rosto do meu pai um sorriso orgulhoso como o que ele deu quando entrei no mestrado. Quando resolvi fazer um breve curso de noções de gastronomia meus pais acharam bacana. Mas quando resolvi fazer um breve curso de língua e civilização francesa na Sorbonne eles inflaram o peito como pombos. Não tivemos aula de corte e costura. Não aprendemos a rechear um lagarto. Não nos chamaram pra ensinar a trocar fralda de um priminho. Não nos explicaram a diferença entre alvejante e água sanitária. Exatamente como aconteceu com os meninos da nossa geração. Mas nos ensinaram esportes. Nos fizeram aprender inglês. Aprender a dirigir. Aprender a construir um bom currículo. A trabalhar sem medo e a investir nosso dinheiro.  Exatamente como os meninos da nossa geração.

Mas, escuta, alguém  lembrou de avisar os tais meninos que nós seríamos assim? Que nós disputaríamos as vagas de emprego com eles? Que nós iríamos querer jantar fora, ao invés de preparar o jantar? Que nós iríamos gostar de cerveja, futebol e UFC? Que a gente não ia ter saco pra ficar dando muita satisfação? Que nós seríamos criadas para encontrar a felicidade na liberdade e o pavor na submissão?

Aí, a gente, com nossa camisa social que amassou no fim do dia, nossa bolsa pesada, celular apitando os 26 novos e-mails, amigas nos esperando para jantar, carro sem lavar, 4 reuniões marcadas para amanhã, se pergunta “que raio de cara vai me querer?”.“Talvez se eu fosse mais delicada… Não falasse palavrão. Não tivesse subordinados. Não dirigisse sozinha à noite sem medo. Talvez se eu aparentasse fragilidade. Talvez se dissesse que não me importo em lavar cuecas. Talvez…”Mas não. Essas não somos nós. Nós queremos um companheiro, lado a lado, de igual pra igual. Muitas de nós sonham com filhos. Mas não só com eles. Nós queremos fazer um risoto. Mas vamos querer morrer se ganharmos um liquidificador de aniversário. Nós queremos contar como foi nosso dia. Mas não vamos admitir que alguém questione nossa rotina.O fato é: quem foi educado para nos querer? Quem é seguro o bastante para amar uma mulher que voa? Quem está disposto a nos fazer querer pousar ao seu lado no fim do dia? Quem entende que deitar no seu peito é nossa forma de pedir colo? E que às vezes nós vamos precisar do seu colo e às vezes só vamos querer companhia pra um vinho? Que somos a geração da parceria e não da dependência?

E não estou aqui, num discurso inflamado, culpando os homens. Não. A culpa não é exatamente deles. É da sociedade como um todo. Da criação equivocada. Da imagem que ainda é vendida da mulher. Dos pais que criam filhas para o mundo, mas querem noras que vivam em função da família.No fim das contas a gente não é nada do que o inconsciente coletivo espera de uma mulher. E o melhor: nem queremos ser. Que fique claro, nós não vamos andar para trás. Então vai ser essa mentalidade que vai ter que andar para frente. Nós já nos abrimos pra ganhar o mundo. Agora é o mundo tem que se virar pra ganhar a gente de volta.”

 

fashion

 

That’s it!

Beijos, D.

Blumenau, 18 fevereiro de 2015 — Comente!

Depois do picnic super fofo, o carnaval é o tema das fotos da Glacê da semana! Looks da coleção nova em clima de pura diversão, bem no clima que o feriado mais animado do ano pede! Make de Gi Grazi Gomes e acessórios by Kauê Lopes! Have fun girls!

dhafyni-mendes

ideias-fantasia-de-carnaval

fantasia-de-pirata-fashion-carnaval

glace-blumenau-carnaval

looks-carnaval-glace

dhafyni-mendes-carnaval-glace

carnaval-glace

Beijos, Beijos D.

Blumenau, 10 fevereiro de 2015 — Comente!

Tem novidade de beauté das boas chegando hoje por aqui. O super conceituado Rayon de Soleil Salon uni-se a ONODERA estética para formar um ambiente único e inovador em Balneário Camboriú. Com estrutura moderna e tratamentos exclusivos, o lugar promete ser o hotspot das antenadas em beleza. Já desejei! Hoje então acontece o celebrate de inauguração super baladado com lista de convidados por Pedro Hering e o combo gourmet perfeito de Soul Cozinha de festa + Chocolovers by Isa Heinenberg. A trilha sonora é pelo dj Palladino e o evento já é o assunto out and about da semana! Vou passar por lá e mostrar tudo para vocês aqui no Diário! Já babando nas fotos do salon, olha só que lindo!

salon-de-beaute-rayon-de-soleil-onodera-santa-catarina-balneario-camboriu

 

Ansiosíssima para conhecer!

Beijos, D.

imagens: ImageCare.

Blumenau, 10 fevereiro de 2015 — Comente!

Olá meninas! Passando por aqui rapidinho e cheia de orgulho para mostrar a campanha da Sebrae com o tema talentos catarinenses. Foram escolhidas 10 mulheres que representam a moda de Santa Catarina e são destaque na sua área de atuação, e eu fiquei super feliz em ser uma das escolhidas! Não é demais?! Olha que lindo ficou a campanha fotografada por Marcos Medeiros com stylist de Mariella Gentil. Adorei!! #SebraeModaCatarina

sebrae moda santa catarina blogs

sebrae-moda catarina dhafyni mendes

 

Tks Sebrae pelo convite! Foi uma honra participar dessa ação! SC na moda!

Beijos, D.